Connect with us

O que você está procurando?

Tecnologia

Enel começa a operar 133MW de capacidade solar no Brasil

 A subsidiária brasileira de energia renovável do Grupo Enel, Enel Green Power Brasil Participações Ltda. (“EGPB”), iniciou a operação comercial da expansão de 133 MW da usina solar fotovoltaica São Gonçalo (475 MW), que já estava em operação e é a maior instalação fotovoltaica da América do Sul, localizada no município de São Gonçalo do Gurguéia, no Piauí. A construção da seção de 133 MW envolveu um investimento de cerca de 422 milhões de reais, o equivalente a aproximadamente 100 milhões de euros.

“Colocar em operação a primeira expansão do nosso emblemático parque solar São Gonçalo é um grande passo para a Enel no Brasil, fortalecendo nossa posição como líderes no mercado de geração solar do país”, disse Salvatore Bernabei, CEO da Enel Green Power e Responsável pela linha de negócios Global Power Generation da Enel. “Apesar dos desafios impostos pelo cenário atual, iniciamos recentemente a construção de 1,3 GW de capacidade renovável no Brasil, incluindo uma nova seção de 256 MW do parque solar São Gonçalo. Continuamos comprometidos em contribuir ainda mais para o crescimento do setor elétrico do país e liderar a retomada verde no Brasil, como temos feito em todo o mundo.”

Em agosto de 2019, a Enel anunciou o início da construção da extensão de 133 MW do parque solar que agora está em operação. Antes disso, em outubro de 2018, a empresa iniciou a construção da primeira seção de 475 MW de São Gonçalo, que foi conectada à rede em janeiro de 2020.

A nova expansão, de 256 MW, que começou a ser construída em 2020, deve iniciar operações em 2021 e eleva a capacidade total de São Gonçalo para 864 MW, tornando-o o maior parque de geração de energia da Enel em construção em todo o mundo. O Grupo Enel está investindo cerca de 735 milhões de reais, o equivalente a cerca de 142 milhões de dólares, na construção da terceira seção da planta.

Todo o parque solar São Gonçalo, com 864 MW, será composto por mais de 2,2 milhões de painéis solares e, uma vez em pleno funcionamento, será capaz de gerar mais de 2,2 TWh anuais, evitando a emissão de mais de 1,2 milhão de toneladas de CO2 na atmosfera a cada ano. São Gonçalo é a primeira planta da Enel no Brasil a usar módulos solares bifaciais, que captam energia solar de ambos os lados do painel, com um aumento esperado na geração de energia de até 18%.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode gostar de ler...

Filmes

Diversos lançamentos em Outubro da Sony Pictures Home Entertainment, e pela primeira vez em Bluray no Brasil, “A Fuga das Galinhas”, “Príncipe do Egito”,...

Séries

A HBO acaba de anunciar a produção de The Righteous Gemstones, nova comédia original sobre a história de uma família bastante religiosa e mundialmente...

E-sports

É jogador de LOL e quer se tornar profissional? Olha só que bacana: nessa sexta, rolou a coletiva de imprensa da RIOT, com o...

E-sports

As finais do Campeonato Brasileiro de League of Legends (CBLoL) sempre foram marcadas por suas atrações musicais e neste ano não é diferente. Embora...